Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O meu dentista deu-me os parabéns

por Cláudia Matos Silva, em 04.03.14


Não sei se mantenho pouca fé nas pessoas em geral, nos dentistas em particular ou especificamente na forma como administro a minha higiene oral. Facto é que já me estava a preparar para um daqueles cenários típicos que ouvimos das bocas, talvez menos sãs, entram com um dente podre e saem do dentista com a cremalheira toda em obras. Não é de hoje que oiço esses relatos, os balúrdios que se gasta nos dentistas e o facto do estado não comparticipar julgando a higiene oral como um luxo num sociedade que se quer evoluída. Há agora uma série de opções mais em conta para cuidar da boca, se bem que o uso diário de dentífrico e fio dentário são francamente de grande ajuda, mas a manutenção efectivamente deve ser feita por profissionais. O meu dentistaarticula planos de acordo com cada carteira, mas a verdade é que eu dificilmente acredito na boa fé, acima de tudo estes senhores que cuidam da nossa saúde são também vendedores de serviços, e esperava que na altura de me oferecerem a tão aguardada limpeza me revelassem um escabroso problema inadiável, daqueles de ficar com a pianola sem teclas. Mas eu já tinha resposta, uma viagem para Barcelona, desdentada ou não, obrigações e responsabilidades. Curiosamente, fizeram vários exames e no fim, os parabéns, preciso apenas de uma limpeza, marcada para dia 19 e gratuita como prometeram em Dezembro do ano passado. Fiquei aliviada claro, mas confesso, há um lado de mim, o que desconfia que me diz, na hora na limpeza haverá uma conversinha em particular e talvez numa análise mais cuidada do raio x, ali está ele, o problema, quase indetectável a olho nu mas que os grandes profissionais a que a minha boca está entregue assinalaram. Todo o cenário fica montado, uma aura de inquietação se mistura com alívio porque afinal de contas eu estou em boas mãos. 

publicado às 10:54

publicado às 15:38

O Selfie do Melvil

por Cláudia Matos Silva, em 03.03.14


Melvil Poupaud

publicado às 15:23

O coisinho é que sabe

por Cláudia Matos Silva, em 03.03.14

publicado às 15:22

Baby Pirosa

por Cláudia Matos Silva, em 03.03.14


Na Mango encontrei casualmente esta t-shirt. Não gosto de creme, não vai bem com a cor esbatida da minha pele, mas pelos três belos felinos já valeu a pena. No revivalismo Punk/Rock da moda feminina estação Outono/Inverno estiveram em grande destaque as botas, lembrando a onda retro Dr. Martens, acesssórios com tachas, preto ou branco as cores mais usadas num estilo que todas as mulheres, numa abordagem clássico ou casual, captam à sua maneira. 

publicado às 09:05

publicado às 08:15

Pág. 6/6



Sem Título22.png

 




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




page visitor counter