Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




É preciso deixá-los cair

por Cláudia Matos Silva, em 22.01.16

Garland_and_Liza.jpg

 

Um dia como qualquer outro, sentada numa esplanada suburbana e tirando apontamentos do quotidiano à minha volta. Mesas cheias de gente com o pretexto da bica, mas sentia-se o 'bruá' de quem tinha muita necessidade de desabafar. Falava-se de vida, morte, amor, política, emprego e na maior parte das situações, desemprego.

 

Um casal distingue-se dos demais, observa a pequenita dando os primeiros passos. Continuam em amena cavaqueira enquanto a menina vai arriscando passo a passa, numa atitude irreverente, testando os seus próprios limites. Não chega longe, ao terceiro passo, cai. O impasse do costume, entre o silêncio e dois olhos redondos que se enchem de lágrimas, dá-se início ao berreiro. O pai não se aflige, a mãe mantém-se calma, sorriem com ternura. A menina continua no chão sem saber o que fazer depois do valente tropeção, mal sabe que ao longo da vida irá cair muitas vezes. O pai antecipa a resposta a uma pergunta ainda por verbalizar 'vá, agora levanta-te' diz, encorajando-a, dirige-se à menina. Ela levanta-se pelo seu pé, responde assertiva e desconfia que pela vida fora terá de se reerguer a cada queda. Por agora é tempo de colinho. O pai abraçando-a, leva-a para a mesa onde a família a acolhe com ternura.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:37



Sem Título22.png

 




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D




page visitor counter