Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




A felicidade é uma condição de vida

por Cláudia Matos Silva, em 13.07.15

fernanda_montenegro_f_017.jpg

 

(Fernanda Montenegro em 1964)

 

Lembro-me tantas vezes de Gisleine, a rapariga do Pantanal. Não era bonita, encantadora, charmosa ou exótica. Não era esperta, inteligente ou espirituosa. Gisleine parecia saída debaixo de um pedregulho, creio no entanto, quando viu a luz sentiu instantaneamente a felicidade entrar-lhe nas veias, bombear-lhe o coração. E ria, ria tanto, como se a felicidade lhe fizesse côcegas debaixo dos braços. Riso sincero o de Gisleine, de quem não sabe nada da vida, nem se quer dar ao trabalho de entender o propósito de tudo 'isto'.

 

A rapariga do Pantanal não conseguia adaptar-se a Portugal, embora falassemos todos a mesma língua, raras vezes conseguíamos manter com ela uma conversação satisfatória. Mas toda a gente sabia, não haver uma só pinga de maldade em Gisleine e só por isso estará sempre na minha memória. As pessoas realmente boas fazem-me acreditar que 'isto' ainda vai valendo a pena. Em dias de total desesperança trago Gisleine aos meus pensamentos e também eu sou um pouco mais feliz.

 

Contava-me da gravidez numa viagem que fizemos juntas, e quase percebi por entre dentes a incredulidade do que estava a passar-se com o seu próprio corpo. Mais pesada, inchada, disforme, juro ter ouvido Gisleine entoar 'como isto me foi acontecer?' - mas o seu deus, o tal que nunca a abandona, encarregava-se de lhe dar as coordenadas. E se para mim, esta é a história de uma mulher perdida num novelo intrincado cheio de nós e laçadas. Gisleine sorri-me, como sorria sempre, a toda a gente. E se havia lágrimas a querer esvair-se dos seus olhos, sorria mesmo assim eenquanto dizia 'deus gosta muito de mim'. Inquiri-a com o meu olhar, espantada 'como seria se deus não gostasse assim tanto de ti?!', a resposta chega-me hoje. Gisleine é feliz, uma condição a que não pode fugir, seja pela genética, pelos ares do Pantanal ou porque não tem inteligencia para ser infeliz. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:08



Sem Título22.png

 




Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D




page visitor counter